Nos pênaltis, CSE vence o ASA e é campeão inédito da Copa Alagoas

O CSE é campeão da Copa Alagoas de 2023! De maneira inédita, o time palmeirense foi até o Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca, na noite desta quarta-feira (29), e venceu o ASA na decisão por pênaltis para garantir o título da competição. No tempo normal, os rivais empataram por 1 a 1, já nos pênaltis, Pedro Campanelli brilhou e garantiu a vitória por 5 a 4.

 

Nos primeiros 45 minutos, o Tricolorido abriu o placar com Filipe Ramon, mas sofreu o empate logo em seguida, após gol contra de Baggio. Na marca da cal, o goleiro Pedro Campanelli pegou duas cobranças e ainda foi responsável pelo gol do título.

 

O título inédito do CSE vem em ótima hora. Além do caneco, o clube palmeirense garantiu seu lugar na Série D do ano que vem, e uma vaga na seletiva da Copa do Brasil, contra o Murici.

 

No calendário, o ASA terá mais uma decisão pela frente, além de pouquíssimo tempo de descanso. Neste sábado (1º de abril), o Fantasma encara o CRB, no mesmo Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca, pela ida da final do Alagoano. Já o CSE se despede da temporada oficialmente e seguirá preparação visando às competições de base e o Campeonato Alagoano de 2024.

 

FICHA TÉCNICA

 

ASA – Renan Rinaldi; Lázaro (Michel Tiago), Lídio (Didira), Fábio Aguiar e Wendel; Zé Wilson, Fidelis e Everton Heleno (Tito); Anderson Feijão, Vitinho e Lúcio Maranhão. Técnico: Sidney Moraes.

 

CSE – Pedro Campanelli; Léo Cotia, Miguel Baggio, Júnior Goiano e Kainandro (Fernando); Cleyton, Claudevan e Filipe Ramon; Didinho (Helton), Geovânio (Rogerinho) e Jeferson. Técnico: Jaelson Marcelino.

 

Gols – Filipe Ramon (CSE – 25’/1T), Miguel Baggio (gol contra – 28’/1T)

 

Cartões amarelos – Cleyton (CSE), Claudevan (CSE), Anderson Feijão (ASA), Everton Heleno (ASA), Rogerinho (CSE)

 

Pênaltis ASA – Anderson Feijão (perdeu), Wendel (perdeu), Lúcio Maranhão, Zé Wilson, Didira, Fidelis, Fábio Aguiar (perdeu)

 

Pênaltis CSE – Filipe Ramon (perdeu), Hélton, Jeferson, Rogerinho (perdeu), Claudevan, Cleyton, Pedro Campanelli

 

Árbitro – Márcio dos Santos Oliveira (CBF/AL)

 

Assistentes – Pedro Jorge Santos Oliveira (CBF/AL) e Benilson dos Santos (CBF/AL)

 

Quarto árbitro – Gleito Lins Vieira (FAF)

 

Quinto árbitro – Widcir Santana de Oliveira (FAF)

 

 

 

 

Fonte: Gazetaweb

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo