Creches da Semed Penedo funcionam com assistência ampliada

A Educação Infantil ofertada pela Prefeitura de Penedo é ampliada com Berçário 1 e 2 em creches-escolas da Secretaria Municipal de Educação (Semed). A assistência para famílias de baixa renda com crianças da faixa etária de 0 a 5 anos é um grande benefício social gerado pelo governo Március Beltrão/Ronaldo Lopes.

O avanço disponível nas creches Vovó Judith e Lúcia Nogueira também foi implantado nas creches Menino Jesus – situada no bairro Santa Luzia (Barro Duro) – e Denilma Bulhões (Conjunto Rosete Andrade).

As duas unidades ganharam também infraestrutura de alto padrão, com espaços adequados para as diferentes atividades da rotina diária que inclui a oferta de cinco refeições para a criançada.

Para os menorzinhos, até material de higiene pessoal é disponibilizado gratuitamente, inclusive fraldas descartáveis. As melhorias estão em todos os ambientes das creches dotadas de novos brinquedos e materiais pedagógicos, além de cantinhos aconchegantes que, em breve, serão climatizados.

Confira o vídeo sobre as creches Menino Jesus e Denilma Bulhões da Semed Penedo

“Nós ainda não fizemos a inauguração oficial porque estamos aguardando a entrega dos condicionadores de ar que adquirimos por meio de licitação”, explica a gestora da Semed, Cíntya Alves.

Apesar da ausência do equipamento, as salas são arejadas naturalmente e dispõem de ventiladores. Nesse ambiente acolhedor, meninos e meninas já desfrutam de mais uma inovação lançada pela Coordenação da Educação Infantil da Semed Penedo: o Projeto Ler e Sonhar.

A contação de histórias pelas ‘tias’, como as professoras são carinhosamente chamadas pelas crianças, acontece após uma das refeições do dia e tem função pedagógica, propiciando o encantamento desencadeado pela literatura, inclusive nos momentos que antecedem um breve repouso.

“Nossas crianças são muito bem tratadas e eu agradeço as nossas funcionárias que cuidam delas e também aos pais que confiam na seriedade de nosso trabalho. Se não fosse dessa forma, certamente não haveria aumento da procura por matrícula em nossas creches”, destaca Cíntya Alves.

A Secretária Municipal de Educação frisa ainda o apoio do prefeito Március Beltrão e do vice Ronaldo Lopes para o sucesso da evolução da Educação Infantil durante a gestão Terra do Desenvolvimento e da Cultura.

 

por Fernando Vinícius – Decom PMP)

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo